João Ferreira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bigode
Informações pessoais
Nome completo João Ferreira
Data de nasc. 4 de abril de 1922
Local de nasc. Belo Horizonte (MG),  Brasil
Falecido em 31 de julho de 2003 (81 anos)
Local da morte São Mateus (ES),  Brasil
Informações profissionais
Posição Lateral-esquerdo
Clubes de juventude

00001939
Brasil Industrial-RJ (amador)
Brasil Combate (amador)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1940
19401942
19431949
19501951
19521955
Brasil 7 de Setembro-MG
Brasil Atlético Mineiro
Brasil Fluminense
Brasil Flamengo
Brasil Fluminense

60 (6)

66 (0)
396 (1)
Seleção nacional
19491950 Brasil Brasil 11 (0)

João Ferreira, mais conhecido como Bigode (Belo Horizonte, 4 de abril de 1922 - São Mateus, 31 de julho de 2003), foi um ex-lateral-esquerdo com passagem pelo Atlético Mineiro, Fluminense, Flamengo e Seleção Brasileira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Bigode começou a sua carreira jogando nas equipes amadoras do Industrial e do Combate, até se profissionalizar no Atlético Mineiro em 1940. Foi contratado pelo Fluminense em 1943. Bigode participou de 396 jogos pelo Fluminense, tendo atuado até 1949 e de 1952 a 1955. Marcou apenas um gol.

No Flamengo atuou em 66 jogos entre 1950 e 1951, com 33 vitórias, 13 empates e 20 derrotas.

Pela Seleção Brasileira de Futebol, entre 1949 e 1950, Bigode fez 11 jogos (oito vitórias, um empate e duas derrotas), inclusive o Maracanaço, a partida que decidiu a Copa do Mundo de Futebol de 1950 a favor da Seleção Uruguaia de Futebol, deixando desolados os brasileiros. Foi sua última partida pela Seleção.[1]

Bigode faleceu após sofrer de problemas respiratórios aos 81 anos.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Atlético Mineiro
Minas Gerais Campeonato Mineiro: 1941 e 1942
Fluminense
CopaRio1952.gif Copa Rio: 1952
Rio de Janeiro Campeonato Carioca: 1946
Seleção Brasileira
Campeonato Sul-Americano: 1949
Taça Oswaldo Cruz: 1950
Copa Rio Branco: 1950

Referências

  1. Placar Magazine - (Google Books). books.google.de (2011). Página visitada em 7 de junho de 2011.

Literatura[editar | editar código-fonte]

  • "Guia dos Craques", de Marcelo Duarte, "Almanaque do Flamengo", de Roberto Assaf e Clóvis Martins.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]