Mecanismo de Kelvin-Helmholtz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O mecanismo de Kelvin-Helmholtz é um processo astronômico que ocorre quando a temperatura da superfície de uma estrela ou um planeta diminui. A redução faz com que a pressão caia, e o planeta comprime-se como resultado. Esta compressão, em turno, faz com que a temperatura do núcleo do astro aumente. Este mecanismo é evidente em Júpiter e Saturno, bem como anãs castanhas cuja temperatura do núcleo não são altas o suficiente para permitir fusão nuclear.[1]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre astronomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.