Monitorização ambiental

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Em Avaliação de Impacto Ambiental, a monitorização consiste na recolha de dados ambientais e da atividade, quer anteriores (Monitorização da situação inicial), quer posteriores à implementação da atividade (monitorização de conformidade e de impactos).[1]

Em toxicologia, monitorização ambiental é a avaliação à exposição externa dos trabalhadores a agentes xenobióticos. Foi definido pela Comissão da Comunidade Européia (CCE), Occupational Safety and Helth Administration (OSHA) e o National Institute for Occupational Safety and Health (NIOSH) como uma atividade sistemática, contínua ou repetitiva, relacionada à saúde e desenvolvida para implantar medidas corretivas sempre que se façam necessárias.


Referências[editar | editar código-fonte]

Seizi Oga. Fundamentos de Toxicologia: Monitorização Ambiental e Biológica. São Paulo: Atheneu Editora de São Paulo, 1996.


Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre farmácia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. http://www.apambiente.pt/_zdata/Divulgacao/Publicacoes/Guias%20e%20Manuais/Boa%20Pratica%20_de%20Monitorizao.pdf