Peep show

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um peep show ou peepshow é uma exibição de fotografias, objetos ou pessoas visualizadas através de um pequeno furo ou lupa.

História[editar | editar código-fonte]

Um menino olhando para um dispositivo de peep show.

Peep shows,[1] também conhecido como peep box ("caixa de surpresas") ou raree show ("espetáculo raro") remontam a tempos antigos (Século XV na Europa, por Leon Battista Alberti) e são conhecidos em várias culturas. Um peep show poderia ser uma caixa de madeira com um buraco ou vários buracos. O interior das caixas eram decoradas frequentemente para se parecer com cenas teatrais. O espetáculo era acompanhado por uma recitação dramatizada, explicando o que estava acontecendo em seu interior.

No século XIX os chineses chamavam esses dispositivos de várias formas, o qual se destacava o termo la yang p'ien ("dispositivos acionados por manivelas"). Às vezes, o showman atraía a atenção da multidão com fantoches ou imagens fora da caixa para depois cobrar as pessoas para olhar através dos orifícios. Na Síria otomana a chamavam de sanduk al-ajayib ("a caixa maravilhosa") que narrava histórias relacionadas com a religião e suas crenças.

Shows pornográficos[editar | editar código-fonte]

Peep shows têm sido utilizados para apresentações de imagens eróticas e pornográficas, desde antes da virada do século XX. Em seu uso contemporâneo, um peep show é uma apresentação por partes de filmes pornográficos ou um show de sexo ao vivo, que é visto através de um slot de visualização, que se fecha após um curto período de tempo.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Peep show