Vinheta (artes gráficas)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O António Maria, uma vinheta criada por Raphael Bordallo Pinheiro, para a revista homónima.

Vinheta, em tipografia e artes gráficas, é um desenho decorativo geralmente em livros, utilizado tanto para separar secções ou capítulos como para decorar. A sua forma única de expressão levou à criação de uma forma nova de arte a banda desenhada, pelo que os rectângulos em que tradicionalmente se divide uma banda desenhada também são conhecidos por vinhetas [1] .

No período de 1450 a 1800, uma vinheta era um desenho gravado que era impresso, utilizando uma placa de cobre, em uma página que já tinha sido previamente impressa.

Vinhetas são distinguíveis em relação a outras ilustrações impressas, pelo facto de não utilizarem bordas ou limitações no papel, aparecendo normalmente como títulos.

Referências

  1. Vinheta Priberam. Página visitada em 19 de Maio de 2012.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Arte ou História da arte é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.