422 a.C.

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
SÉCULOS: Século VI a.C.Século V a.C.Século IV a.C.
DÉCADAS: 470 a.C.460 a.C.450 a.C.440 a.C.430 a.C.
420 a.C.410 a.C.400 a.C.390 a.C.380 a.C.370 a.C.
ANOS: 427 a.C.426 a.C.425 a.C.424 a.C.423 a.C.
422 a.C.421 a.C.420 a.C.419 a.C.418 a.C.417 a.C.

Eventos[editar | editar código-fonte]

Guerra do Peloponeso[editar | editar código-fonte]

Mapa de Anfípolis
  • Décimo ano da Guerra do Peloponeso.[2]
  • Atenas acusa os habitantes de Delos de fazer uma aliança secreta com os lacedemônios; eles são expulsos de sua ilha, que é tomada pelos atenienses.[1]O sátrapa Faniaces oferece ao exilados a cidade de Adramício para eles habitarem nela.[1]
  • Os atenienses elegem como general Cleon, líder do partido popular, e o enviam para a Trácia, com a missão de capturar Escione, [3] que estava sob cerco desde o ano anterior.[4]
  • Cleon captura a cidade de Torone, vende as mulheres e crianças como escravas, e envia a guarnição sob ferros para Atenas.[5]
  • Batalha de Anfípolis:[carece de fontes?] Cleon, sabendo que Brásidas estava acampado perto de Anfípolis, avança contra os lacedemônios;[6] na batalha que se segue, ambos generais morrem, mas a vitória foi lacedemônia, e os atenienses recuperaram os corpos dos seus mortos após uma trégua.[7]
  • Argileonis,[8] a mãe de Brásidas, ao ouvir da morte do filho, e que, dos lacedemônios, ele era o melhor, responde que ele era um homem bravo, mas era inferior a vários outros.[5][8]
  • Paz de Nícias:[carece de fontes?] atenienses e lacedemônios concordam com uma trégua de cinquenta anos, com a troca de prisioneiros e a devolução das cidades capturadas durante a guerra.[9]


Falecimentos[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XII, 73.1 [ael/fr][en]
  2. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XII, 74.6 [ael/fr][en]
  3. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XII, 73.2 [ael/fr][en]
  4. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XII, 72.10 [ael/fr][en]
  5. a b Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XII, 73.3 [ael/fr][en]
  6. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XII, 74.1 [ael/fr][en]
  7. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XII, 74.2 [ael/fr][en]
  8. a b Plutarco, Morália, Lacaenarum Apophthegmata, Argileonis [em linha]
  9. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XII, 73.5 [ael/fr][en]