A curiosidade matou o gato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Um gato curioso.

A curiosidade matou o gato é um ditado popular usado para alertar uma pessoa de que um mal pode ocorrer se ela for muito curiosa.

Na Europa da Idade Média as pessoas não gostavam de gatos e aprendiam que os gatos pretos traziam má sorte. Assim preparavam armadilhas. A curiosidade do gato realmente acabava levando-o à morte. Essa é a origem desse ditado.[carece de fontes?]

A forma original do ditado, hoje pouco usada, era "A preocupação matou o gato". No caso, a "preocupação" era no sentido de ficar preocupado/aflito mesmo, ou no sentido de ficar triste.

Uma continuação pouco conhecida para "a curiosidade matou o gato" é "mas a satisfação ressuscitou"[1], no sentido de que a satisfação em descobrir a verdade compensa os problemas decorridos de ser curioso. A parte da ressurreição talvez se refira às várias vidas dos gatos.

  1. «Curiosity killed the cat». Gary Martin. Consultado em 2007-07-24.