Acanthaster planci

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: "Coroa-de-espinhos" redireciona para este artigo. Para outros significados, veja Coroa de espinhos.
Ambox important.svg
Foram assinalados vários aspectos a serem melhorados nesta página ou se(c)ção:
Como ler uma infocaixa de taxonomiaAcanthaster planci
Acanthaster planci em Koh Similan, Tailândia
Acanthaster planci em Koh Similan, Tailândia
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Echinodermata
Classe: Asteroidea
Ordem: Valvatida
Família: Acanthasteridae
Género: Acanthaster
Espécie: A. planci
Nome binomial
Acanthaster planci
(Linnaeus, 1758)

Acanthaster planci (Linnaeus, 1758), conhecida pelo nome comum de coroa-de-espinhos, é uma espécie de equinoderme pertencente à classe Asteroidea (estrelas-do-mar) com ampla distribuição natural nos recifes coralinos do Indo-Pacífico, onde é predadora dos pólipos dos corais-pétreos do grupo Scleractinia.[1] A espécie atinge grandes dimensões, de 25 a 37 centímetros de diâmetro, sendo um dos maiores equinodermes conhecidos, com dimensões semelhantes às da espécie Pycnopodia helianthoides, considerada o maior equinoderme do mundo. Apresenta a sua face superior recoberta por espinhos venenosos, o que justifica o seu nome comum. A espécie é considerada invasora.

Referências

  1. Carpenter, R.C. (1997) Invertebrate Predators and Grazers" In: C. Birkeland, Life and death of coral reefs, Springer. ISBN 978-0-412-03541-8.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Acanthaster planci


Ícone de esboço Este artigo sobre equinodermes, integrado no Projeto Invertebrados é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.