Actinomicina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Actinomycin D Neu.svg

Actinomicina é uma substância de propriedades antibióticas, de natureza muito tóxica para a espécie humana, produzida por estirpes de Actinomyces antibioticus, da qual existem três variedades. A, B e C.[1] Esta última foi utilizada na terapêutica da doença de Hodgkin, fazendo parte dos protocolos de terapêutica das neoplasias do testículo. Esta substância foi descoberta por Selman Waksman.

Referências

  1. Gill, J.E. et al. (1975): 7-Amino-actinomycin D as a cytochemical probe. I. Spectral properties. In: J. Histochem. Cytochem. Bd. 23, S. 793–799, PMID 1194669 PDF (Memento vom 27. setembro 2007 im Internet Archive).
  • Nova Enciclopédia Portuguesa, Ed. Publicações Ediclube, 1996.