Adriano Moraes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Adriano Moraes
Informações pessoais
Nome completo Adriano da Silva Moraes
Apelido The Phenomenon (o fenômeno)
Modalidade Montaria em Touro
Nascimento 20 de abril de 1970 (48 anos)
Quintana-SP
Nacionalidade Brasil Brasileiro

Adriano Moraes, mais conhecido como "The Phenomenon" (o fenômeno), (Quintana, 20 de Abril de 1970) foi um peão de boiadeiro brasileiro, tricampeão mundial de montaria em touros pela PBR (Professional Bull Riders).[1]

Adriano foi o 1º Campeão Mundial da PBR, no ano da fundação deste campeonato, em 1994. Foi também o 1º Bicampeão - em 2001 - e é Tricampeão Mundial da PBR, mérito conquistado em 2006.[2][3]

Aposentou-se em 2008, aos 38 anos. Atualmente, é técnico da seleção brasileira desta modalidade.[4]

Sobre sua aposentadoria e seus recordes, o atleta fez a seguinte delaração:[5]

Conquistas[editar | editar código-fonte]

  • 1992 - Campeão Brasileiro
  • 1993 - Bicampeão Brasileiro
  • 1994 - Finalista do "Texas circuit"
  • 1994 - Vice-Campeão do "Coors Showdown"
  • 1994 - Vice-Campeão do "Bull Riders Only"
  • 1994 - Campeão do "Calgary Champion", no Canadá
  • 1994 - Campeão mundial pela PBR
  • 1994 - Campeão do "National Final Rodeo"
  • 1994 - 3º homem na história da "Professional Rodeo Cowboys Association" a montar os 10 touros da "National Final Rodeo" pelo tempo determinado
  • 1995 - Vice-campeão do "Dodge National Circuit Final"
  • 1996 - Bicampeao do "National Final Rodeo"
  • 1997 - Vice-Campeão do PBR
  • 2000 - 4º Lugar Campeonato Mundial da PBR
  • 2001 - Campeão Mundial do "Challenge Tour"
  • 2001 - Bicampeão Mundial pela PBR
  • 2003 - Bicampeão Mundial do "Challenge Tour"
  • 2004 - Vice-Campeão mundial pela PBR
  • 2006 - Tricampeão Mundial pela PBR
  • 2007 - Campeão Mundial por equipes pela PBR, representando o Brasil

O peão aposentado Adriano Moraes, tricampeão mundial de montarias em touros pela Professional Bull Riders, passa bem após a queda do cavalo, sofrida na manhã desta quinta-feira, durante um treino para o Desafio do Bem - prova em que peão e cavalo são alvos de apostadores, e arrecadam dinheiro para o Hospital do Câncer de Barretos. No momento do acidente (veja vídeo cedido pela TV Rodeio), Adriano Moraes quebrou a tíbia da perna esquerda e teve uma convulsão assim que bateu a cabeça no chão. Apesar do susto, o ex-peão passou por exames no hospital de Barretos e já recebeu alta. - Tive uma queda leve primeiro, mas depois foi mais rápido e tive um pequeno desmaio na queda. Essas coisas acontecem. Estou fora de forma, pesando 100 kg. Quando eu competia, pesava 85 kg. Quem acha que o peão ganha dinheiro fácil, fica aqui o convite. Não é fácil. Vem montar - afirmou Adriano Moraes, que será substituído pelo campeão brasileiro Leandro Baldissera.

Links Externos[editar | editar código-fonte]

Website Pessoal


Referências

Olympic rings without rims.svg Este artigo sobre um(a) desportista, integrado ao Projeto Desporto, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.