Ancylostoma braziliense

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaAncylostoma brasiliensis

Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Nematoda
Classe: Secernentea
Ordem: Strongylida
Família: Ancylostomatidae
Género: Ancylostoma
Espécie: A. brasiliensis
Nome binomial
Ancylostoma brasiliensis

Ancylostoma braziliensis é uma espécie de nematódeo do gênero Ancylostoma que pode causar o ancilostomíase e Larva migrans cutânea (bicho-geográfico).[1][2] É um parasito comum do intestino delgado de cães e gatos.[3] e sai pelo intestino destes animais e em contato com o ser humano se contagiam por esse doença

Referências

  1. Shinkar RM, Stocks R, Thomas E (October 2005). «Cutaneous larva migrans, creeping eruption, sand worm». Arch. Dis. Child. 90 (10). 998 páginas. doi:10.1136/adc.2005.073197. PMC 1720113Acessível livremente. PMID 16177155  Verifique data em: |data= (ajuda)
  2. Tierney, Lawrence M.; McPhee, Stephen J.; Papadakis, Maxine A. (2008). Current medical diagnosis & treatment, 2008. [S.l.]: McGraw-Hill Medical. 1323 páginas. ISBN 0-07-149430-8 
  3. Universidade Regional de Blumenau - Projeto Parasita. «Ancilostomíases». Consultado em 2 de junho de 2009 
Ícone de esboço Este artigo sobre Invertebrados, integrado no Projeto Invertebrados é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.