Antônio Vieira (cantor)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde junho de 2017) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Antônio Vieira
Informação geral
Nascimento 9 de maio de 1920
Origem São Luís, Maranhão
País Brasil
Data de morte 7 de abril de 2009 (89 amos)

Antônio Vieira (São Luís, 9 de maio de 19207 de abril de 2009) foi um cantor e compositor brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Criado por um parente próximo da família Antônio Veira na sua infância teve a oportunidade de estudar e concluir seus estudos, coisa rara para um menino negro naquela época. Na sua vida, já foi comerciante, Sargento do Exército, entre outras.

Começou a compor aos 16 anos. Mulata Bonita foi o nome da sua primeira canção. Porém, o mestre Antônio Vieira passou a se dedicar mais a música conforme ia se aposentando de suas profissões, atualmente Vieira compôs mais de 400 canções. Tanto é que o seu primeiro disco gravado só foi apresentado em 1986. No entanto, em 1997 a cantora maranhense Rita Ribeiro, até então desconhecida, decide gravar duas músicas do Mestre 'Tem quem queira' e 'Cocada' esta ultima foi indicada ao Prêmio Sharp 98 de Melhor Canção. Com este trabalho, Rita Ribeiro alcança projeção nacional.

Antônio Vieira faleceu a 7 de abril de 2009 por falência múltipla de órgãos provocada por um AVC.

Ligação externa[editar | editar código-fonte]