Antioquia no Tauro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Antioquia no Tauro ou Antioquia do Tauro (em latim: Antiochia ad Taurum; em grego: Αντιόχεια του Ταύρου) foi uma antiga cidade fundada no período helenístico nos Montes Tauro da Cilícia (que posteriormente foi a província de Comagena),[1] no sudeste da Anatólia.

A maior parte dos historiadores situam a cidade na atual cidade turca de Gaziantep ou nas suas proximidades,[2][3] embora muitos estudiosos do passado a associassem com a atual cidade síria de Alepo,[4] situada cerca de 120 km a sul de Gaziantep.

Antioquia no Tauro cunhou moeda[5] e foi cristianizada muito cedo, formando uma em Comagena.[6]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. Hazlit, William (1851), «Antiochia», The Classical Gazetteer (em inglês): 37, consultado em 22 de maio de 2013 
  2. «Aïntab», Estocolmo: Gernandts boktryckeri-aktiebolag, Nordisk familjebok (em sueco), 1: 304, 1876, consultado em 22 de maio de 2013 
  3. «Turkey - historical demographical data of the urban centers». www.library.uu.nl (em inglês). Biblioteca da Universidade de Utrecht. Arquivado do original em 18 de abril de 2006 
  4. Halley, E. (1695-1697), «Some Account of the Ancient State of the City of Palmyra, with Short Remarks upon the Inscriptions Found there», Londres: The Royal Society, Philosophical Transactions (em inglês), 19.: 160-175, consultado em 22 de maio de 2013 
  5. «Geographical Index of Greek Mints, Rulers, Etc.». www.wildwinds.com. Consultado em 22 de maio de 2013 
  6. Hofmanni, Joh. Jacobi. «Lexicon universale». www.uni-mannheim.de (em latim). Camena - Lateinische Texte der Frühen Neuzeit. Universidade de Mannheim. Consultado em 22 de maio de 2013. Cópia arquivada em 12 de março de 2007 


Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.