Articulação em sela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Articulação em sela
Gelenke Zeichnung01.jpg
1: Articulação esferóide; 2: Articulação elipsóide; 3: Articulação em sela; 4 Gínglimo; 5: Articulação em pivô;
Gray335.png
Ligamentos do pulso.
Latim articulatio sellaris
Gray's assunto #70 286

Em uma articulação em sela ou selar as superfícies opostas são reciprocamente côncavas e convexas.

Movimentos[editar | editar código-fonte]

Os movimentos são os mesmos de uma articulação condilar; ou seja: flexão, extensão, adução, abdução e circundação, mas não é permitido nenhuma rotação do eixo. Articulações em sela são considerada biaxiais, permitindo movimento nos planos frontal e sagital.

Exemplos[editar | editar código-fonte]

O melhor exemplo é a articulação carpometacarpal do polegar.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]