As Viagens de Marco Polo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde agosto de 2014)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Il Milione
As viagens de Marco Polo
Uma página de "As viagens de Marco Polo"
Autor (es) Marco Polo
Idioma Italiano
País República de Veneza
Espaço onde decorre a história China e Oriente
Lançamento 1298-1299

As Viagens de Marco Polo é o nome usual para o livro de viagens de Marco Polo, Il Milione (O Milione, abreviação para Emilione, o apelido de família de Marco). O livro é um diário de suas viagens ao longo da Rota da Seda até à China, que ele chama Cathay (norte da China) e Manji (sul da China). Polo ditou o livro a um escritor de romances, Rustichello da Pisa, enquanto estava preso em Génova de 1298-1299. É conhecido ainda pelos títulos de "O Livro das Maravilhas" ou simplesmente "As Viagens".

As Viagens de Marco Polo é dividido em quatro livros. O primeiro livro descreve as terras do Oriente Médio e Ásia Central que Marco encontrou em seu caminho para a China. O segundo livro descreve a China e o tribunal de Kublai Khan. O terceiro livro descreve alguma das regiões costeiras do Leste: Japão, Índia, Sudeste Asiático, a costa leste da África. Por último, o quarto livro descreve algumas das guerras recentes entre os Mongóis e algumas regiões do Norte, como a Rússia.

As viagens era um raro sucesso popular em uma era anterior à impressão. Os livros foram traduzidos em muitas línguas europeias durante a vida de Marco Polo, mas os manuscritos originais foram perdidos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre As Viagens de Marco Polo