Assistente virtual

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um assistente virtual (abreviado como VA, também chamado de assistente de escritório virtual)[1] é, geralmente um profissional autônomo que oferece assistência administrativa, técnica, criativa ou apenas assistência (social) para clientes remotamente a partir de um home office.[2] [3]

Porque assistentes virtuais são contratados independentes, em vez de empregados, os clientes não são responsáveis ​​por quaisquer impostos relacionados com funcionários, seguro ou benefícios, exceto no contexto de que essas despesas indiretas estão incluídas nas tarifas do VA. Os clientes também evitar o problema logístico de proporcionar espaço de escritório extra, equipamentos ou suprimentos. Os clientes pagam por 100% de trabalho produtivo e podem trabalhar com assistentes virtuais, individualmente, ou em empresas multi-VA para satisfazer suas necessidades. Os assistentes virtuais geralmente trabalham para pequenos negócios,[4] mas também podem dar suporte a executivos ocupados. Estima-se que existam no mínimo 5.000-10.000 ou no máximo 25 mil assistentes virtuais em todo o mundo. A profissão está crescendo em economias centralizadas que usam de práticas "Fly-in fly-out" de pessoal.[5] [6] [7]

Os modos mais comuns de comunicação e entrega de dados incluem a Internet, e-mail, conferências por chamadas telefônicas,[8] espaços de trabalho on-line e aparelho de fax. Os assistentes cada vez mais estão utilizando a tecnologia virtual, como Skype, bem como Google Voice.

Referências

  1. Unattributed (2002). «Real work in virtual offices». International Journal of Productivity and Performance Management [S.l.: s.n.] 51 (4/5): 266–268. ISSN 1741-0401. 
  2. Starks, Misty (Julho/Agosto 2006). Helping Entrepreneurs, Virtually PDF (2643.3 KiB), D-MARS
  3. Youngblood, Sharon. «Virtual help is on the way» (reprint). Inside Tucson Business 15 (52) [S.l.: s.n.] p. 11. Consultado em 2009-04-19. 
  4. Finkelstein, Brad (February/March 2005). «Virtual Assistants A Reality». Broker Magazine [S.l.: s.n.] 7 (1): 44–46. ISSN 1540-0824. 
  5. Outsourcing Comes of Age: The Rise of Collaborative Partnering PDF (548 KiB), PricewaterhouseCoopers. Retrieved on 2008-07-27.
  6. Rose, Barbara (2005-12-21). «Personal Assistants Get a High-tech Makeover». Standard-Times [S.l.: s.n.] Consultado em 2008-07-29. 
  7. Meyer, Ann (2006-05-22). «Technology links virtual businesses: Advances spur rise in collaborative work» (reprint). Chicago Tribune [S.l.: s.n.] Consultado em 2008-08-14. 
  8. Johnson, Tory (2007-07-23). «Work-From-Home Tips: Job Opportunities for Everyone». ABC News [S.l.: s.n.] Consultado em 2008-07-28.