Atanásio V de Constantinopla

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Atanásio V de Constantinopla
Nascimento Século XVII
Creta
Morte 1711
Ocupação Patriarca Ecumênico de Constantinopla
Religião Igreja Ortodoxa

Atanásio V de Constantinopla (em grego: Αθανάσιος Ε΄) serviu como patriarca ecumênico de Constantinopla entre 1709 e 1711.

História[editar | editar código-fonte]

Atanásio era natural de Creta. Depois de estudar em Halle, na Saxônia, ficou conhecido por sua grande erudição, fluência em outras línguas (como o latim e o árabe) e profundo conhecimento de música eclesiástica. Ele foi primeiro bispo metropolitano de Tarnovo e depois, em 1692, de Adrianópolis.

Depois que o patriarca Cipriano foi deposto e exilado em Monte Atos, Cirilo, bispo metropolitano de Cízico, foi eleito patriarca, mas, depois da intervenção do grão-vizir Çorlulu Ali Pasha, Atanásio acabou no trono. Durante seu reinado, ele foi acusado de ter tendências pró-católicas[1].

Em 4 de dezembro de 1711, Atanásio foi deposto e Cirilo pôde assumir com o título de Cirilo IV. Depois de sua deposição, dedicou-se aos estudos e fez grandes avanços no domínio da música.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Atanásio V de Constantinopla
(1709 - 1711)
Precedido por: Cruz ortodoxa.png

Patriarcas ecumênicos de Constantinopla

Sucedido por:
Cipriano 215.º Cirilo IV

Referências

  1. Runciman, Steven (2010). Η Μεγάλη Εκκλησία εν αιχμαλωσία (em grego). [S.l.]: Εκδόσεις Γκοβόστη. p. 272. ISBN 9789604461301 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]