Aurora Pijuan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde fevereiro de 2019). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.

Aurora Pijuan (Bacolod, 11 de novembro de 1949) é uma modelo e rainha de beleza das Filipinas que venceu o Miss Internacional 1970.

Ela foi a segunda de seu país a vencer este concurso, fazendo, assim, com que as Filipinas se tornassem o primeiro país a vencer o Miss Internacional duas vezes.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Aurora é filha de Marcelo Pijuan e Lucielle Mckenney, tem 11 irmãos e estudou no St. Scholastica’s College Bacolod. [1]

Ela tem dois filhos e seu ex-marido, Tomas Manotoc, casou-se com Imee Marcos, filha de Ferdinand Marcos.

Participação em concursos de beleza[editar | editar código-fonte]

Aos 16 anos ela participou e ficou em 2º lugar no Miss Teen Princess, concurso patrocinado pelo Manila Chronicle.

Em 1970 ela ficou em 2º lugar no Binibining Pilipinas, o que lhe deu o direito de ir ao Miss Internacional.

Em 16 de maio de 1970 ela competiu em Osaka, no Japão, com outras 46 concorrentes e levou a coroa de Miss Internacional 1970.

Vida pós-concursos[editar | editar código-fonte]

Após coroar sua sucessora, Aurora fez dois filmes, Popeye e Sunugin Ang Samar.

Ela também foi uma modelo de sucesso em seu país, tendo desfilado para os principais costureiros da época, que segundo o Philstar eram Pitoy Moreno, Ben Farrales and Aureo Alonzo.

Ela foi casada com Tomas Manotoc, um treinador de golfe e basquete, com o qual teve dois filhos: TJ Manotoc, que é âncora na ABS-CBN, e Mavis Manotoc. [2]

Foto recente[editar | editar código-fonte]

Em 2018, um jornal filipino divulgou uma foto recente de Aurora com seu filho TJ. [3]

Referências[editar | editar código-fonte]