Auruncos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde agosto de 2011). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Localização dos Auruncos no Lácio

Os Auruncos (em latim: Aurunci) formavam uma população osca, de origem indo-europeia, cujo surgimento na Itália se dá geralmente em torno de 1000 a.C.. O território dos Auruncos se estendia para o sul do dos volscos, na região de Rocamonfina, entre rio Liri e o rio Volturno.

História[editar | editar código-fonte]

Fontes romanas descrevem os Auruncos como uma população pouco evoluída, que habitava maioritariamente o alto das colinas, por motivos principalmente defensivos.

Seu território, a sul do dos volscos e dos relacionados Ausônios, correspondia a uma área sobre o rio Liri, isto é, Sant'Apollinare, San Giorgio a Liri, Vallemaio, Valle dei Santi, a região do atual Garigliano, as encostas sudoeste do Roccamonfina, a encosta meridional do monte Maggiore e o rio Volturno.

As mesmas fontes romanas citam os Auruncos em referência ao ataque que os romanos sofreram no século VI a.C. na colônia latina de Sessa Pomécia, porque esta era aliada dos Auruncos. A cidade rendeu-se antes que legiões romanas escalassem os muros, mas isso não bastou para salvar nem as pessoas nem a cidade; os líderes foram decapitados, os cidadãos vendidos como escravos, a cidade arrasada e os terrenos vendidos.

Os romanos só asseguraram a vitória após uma longa luta, no fim da Segunda Guerra Samnita, em 313 a.C.. Para estabelecer definitivamente o seu domínio sobre aquelas terras, os romanos destruíram as cidades que faziam parte da Pentápole Aurúncia (isto é, a federação das cinco cidades aurúncias, composta de Ausona, Véscia, Minturno, Sinessa e a já citada Sessa Pométia) Sucessivamente, fundaram-se as colónias de Sessa Aurunca e Minturno, e manteve-se o mesmo nome e localização.

Ver também[editar | editar código-fonte]