Babafemi Ogundipe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Babafemi Ogundipe (Ogun, 6 de setembro de 1924Londres, novembro de 1971) foi de facto Vice-presidente da Nigéria durante o governo militar de Johnson Aguiyi-Ironsi, em 1966.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filhos de pais iorubás, oriundos na então província de Ago-Iwoye, atual estado de Ogun, no oeste da Nigéria. Alistou-se na Royal West African Frontier Force em 1941, servindo em Birmânia entre 1942 e 45. Realistou-se depois da II Guerra Mundial, atingindo a patente de brigadeiro em maio de 1964. Serviu como chefe de pessoal do Quartel-General Supremo das Forças de Defesa Nigerianas, entre janeiro e agosto de 1966. Após o rápido golpe de estado impetrado por Aguiyi-Ironsi, e cumprindo um acordo firmado pelo novo governo militar conduzido por Yakabu Gowon, deixou o país como representante da Nigéria no mesmo ano chefiando a representação nigeriana na Commonwealth Heads of Government Meeting, em setembro. Em seguida, foi Alto-Comissário da Nigéria no Reino Unido, posto que ocupou até agosto de 1970, quando deixou o serviço público.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Siollun, Max (30 de outubro de 2005). «The inside story of Nigeria's first military coup». Kwenu. Reedbuck, Inc. Consultado em 22 de maio de 2007 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.