Balykchy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Peixeiras de Balykchy vendem peixe seco na rua
Mapa do Quirguistão

Balykchy (em quirguiz: Балыкчы - Balıkçı) é uma cidade no extremo oeste do Lago Issyk-Kul, no Quirguistão, a uma altitude aproximada de 1.900 metros. A sua área é de 38 km2 (15 sq mi), e com uma população residente de 42.875 em 2009 (ambos incluindo Orto-Tokoy).[1] Um importante centro industrial e de transporte (processamento de lã e cereais, transporte lacustre, terminal ferroviário e entroncamento rodoviário) durante a era soviética, perdeu a maior parte da sua base económica após o colapso da União Soviética e o encerramento de praticamente todas as suas instalações indústriais.

A estrada principal de Bishkek, capital do Quirguistão, à China, uma parte da antiga Grande Rota da Seda, passa por Balykchy antes de iniciar o seu longo e árduo caminho através das cordilheiras alpinas da província de Naryn no centro do Quirguistão até a fronteira chinesa no Passo do Torugart. Planos para a ferrovia da fronteira Chinesa a Balykchy, onde a linha de Bishkek termina atualmente, encontram-se em discussão. Duas outras estradas circundam os lados norte e sul de Issyk Kul até Karakol e depois circundando a extremidade leste do Kungey Alatau até ao limite sudeste do Cazaquistão. [2]

História[editar | editar código-fonte]

A história de Balykchy começa com uma estação de correios e uma quinta, estabelecidas por MI Bachin, soldado pensionista do Forte de Naryn na área de Kyzyl Tokoy em 1884. Nos finais do século XIX e início do século XX, a povoação era conhecida como Ketmaldy (o nome do rio local), Novodmitrievka (em homenagem ao sobrenome do proprietário de uma coudelaria local; ESDmitriev) e Bachino (em homenagem a MI Bachin). Foi nomeada Rybachye (local de pesca em russo) entre 1909-1993. No início dos anos 1990, após a desintegração da União Soviética, a cidade era conhecida como Issyk-Kuln mesmo o nome do lago adjacente. Pouco o após a independência o nome foi de novo alterado, desta vez para Balykchy [1] que significa pescador na língua quirguiz (e também na sua língua irmã, o turco).

Demografia[editar | editar código-fonte]

Balykchy é considerada a oitava maior cidade do Quirguistão com uma população residente, de acordo com o Censo Populacional e Habitacional de 2009, de 42.380 ou 42.875 incluindo Orto-Tokoy.

Populações históricas em Balykchy
AnoPop.
19352 000
19395 400
197028 555
197933 716
198943 265
199942 346
200942 875
Fonte:,[1]

Transporte[editar | editar código-fonte]

O pequeno e antigo aeroporto já não funciona. A estação de comboios de passageiros marca o fim da linha ferroviária de Bishkek; que iniciou recentemente serviços diretos em 2018 de / para Tashkent no Uzbequistão, assim como serviços ferroviários já existentes para o Cazaquistão. [3] Em março de 2018, a Uzbekistan Railways iniciou um novo serviço, ligando Tashkent a Balykchy. [4]

Na cultura popular[editar | editar código-fonte]

  • No videogame Command & Conquer: Generals de 2003, as forças chinesas devem desalojar as forças terroristas entrincheiradas em Balykchy, usando armas chinesas e ocasionais bombardeiros da Força Aérea dos Estados Unidos.[5]

Referências

  1. a b «2009 population census of the Kyrgyz Republic: Issyk-Kul Region» (PDF) 
  2. Falling Rain Genomics, Inc. «Geographical information on Balykchy, Kyrgyzstan» 
  3. https://en.trend.az/casia/kyrgyzstan/2866473.html
  4. «Uzbekistan Opens New Railway Routes to Kyrgyzstan, Russia». EurasiaNet. A weekly train running the route from the capital of Uzbekistan to Kyrgyzstan’s Issyk-Kul region was set to depart on its maiden trip on the evening of March 22 [...] The train traveling from Tashkent to Balykchy, a town on the western end of Issyk-Kul Lake, will be able to carry up to 300 passengers. 
  5. {{ Cite web|url=https://www.imdb.com/title/tt0313918/%7Ctitle= Command & Conquer: Generals (2003)
Balykchy Government Office

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Media relacionados com Balykchy no Wikimedia Commons