Barão de Vasconcelos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Barão de Vasconcellos foi um título criado em 13 de abril de 1863 por decreto do rei Dom Luís I de Portugal, a favor de José Smith de Vasconcellos

Usaram o título:

  1. José Smith de Vasconcellos (1817 — 1903), primeiro barão de Vasconcellos.
  2. Rodolpho Smith de Vasconcellos (1846 — 1926), filho do anterior, segundo barão de Vasconcellos.
  3. Jaime Smith de Vasconcellos (1884 — 1933), filho do anterior, terceiro barão de Vasconcellos

Genealogia[editar | editar código-fonte]

Muitas obras genealógicas indicam que os Smith de Vasconcellos pertençam à Dinastia de Borgonha, sendo descendentes direta ou indiretamente de D. Afonso I de Portugal.

É descendente direta dos barões de Vasconcellos a brasileira Marta Teresa Smith de Vasconcellos, mais conhecida como Marta Suplicy, sendo ela trineta do primeiro barão.

Os segundo e terceiro barões de Vasconcellos são os autores do Arquivo Nobiliárquico Brasileiro, uma das mais importantes obras genealógicas referentes ao período imperial do Brasil. Dedicaram-na ao príncipe imperial do Brasil à altura, D. Luís de Orléans e Bragança, filho da última princesa Imperial de facto, D. Isabel de Bragança, e do príncipe Gastão de Orléans, conde d'Eu.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Arquivo Nobiliárquico Brasileiro