Barbara van Schewick

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde março de 2016).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Barbara Schewick
Nome completo Barbara van Schewick
Conhecido(a) por Seus trabalhos na área de neutralidade da rede
Nascimento 21 de outubro de 1972 (45 anos)
Bonn, Renânia do Norte-Vestfália,  Alemanha
Nacionalidade alemão

Barbara van Schewick (nascida em 21 de outubro de 1972 em Bonn[1]) é especialista em neutralidade da rede[2][3]. É professora de Direito na cadeira Helen I. Crocker da Faculdade de Direito de Universidade de Stanford, professora associada da Faculdade de Engenharia Elétrica da Universidade de Stanford. Além disso, é também diretora do Centro para Internet e Sociedade também da Universidade de Stanford.[4] Os trabalhos dela tem influenciado decisões importantes tomadas, pelos Governos em todo o mundo, relacionadas com regras de neutralidade da rede. As regras de neutralidade adotadas pelos EUA, através de sua agência reguladora a Comissão Federal de Comunicações (FCC), que é equivalente à Anatel no Brasil, foram fortemente influenciadas pelos trabalhos de Barbara van Schewick[5]. Assim como, os relatórios sobre qualidade de serviço e neutralidade da rede feitos pelo Reguladores Europeus das Comunicações Eletrônicas (BEREC) foram inflenciados também pelos seus trabalhos[6].

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sua dissertação foi orientada pelo Prof. Dr. Bernd Lutterbeck da Universidade Técnica de Berlin e Prof. Lawrence Lessig da Stanford Law School. Antes que começar a vida academica, ela trabalhou como advogada em Berlim, e também como escritora de discursos para o ex-prefeito Eberhard Diepgen, bem como assistente de pesquisa e consultora da Coopers & Lybrand em Londres, Reino Unido. Antes de ingressar na Faculdade de Direito de Stanford, Barbara era pesquisadora na Universidade Técnica de Berlim.

Barbara van Schewick é uma das principais especialistas no tema de neutralidade de rede do mundo, além de ser especialista em lei antitruste, lei das comunicações, cibersegurança, internet e lei cibernética[6] e economia de inovação[5] . O livro internet Architecture and innovation[7] foi publicado pelo MIT Press no verão de 2010, escrito por Barbara. Este livro é considerado hoje uma referência no debate sobre políticas públicas, controle de arquitetura de rede e políticas de neutralidade da rede. Vários artigos escrito por ela são considerados alguns dos mais importantes sobre o tema de neutralidade da rede.[5]

Barbara é mãe de dois filhos e casada. Seu pai é Hans-Jürgen van Schewick um ex-juiz do Tribunal Administrativo Federal.[8]

Especialidades[9][editar | editar código-fonte]

    • Direito da concorrência (Antitrust Law)
    • Lei de comunicações (Communications Law)
    • Lei constitucional (Constitutional Law)
    • Cibersegurança (Cybersecurity)
    • Primeira Ementa (First Amendment)
    • Internet e Ciber Lei (Internet & Cyberlaw)
    • Neutralidade da Rede (Net Neutrality)

Ensino[editar | editar código-fonte]

Barbara van Schewick leciona algumas disciplinas em Stanford, algumas delas são:

Direito da concorrência (Antitrust Law)[10][editar | editar código-fonte]

O direito da concorrência é uma lei que promove ou procura manter a concorrência no mercado através da regulação comportamentos anticoncorrenciais pelas empresas. O direito da concorrência é implementada através da aplicação pública e privada.

Lei da comunicação: Internet e telefone (Communication Law: Internet and Telephony)[11][editar | editar código-fonte]

Lei das Comunicações refere-se à regulação das comunicações eletrônicas por fio ou rádio. Ela engloba regulamentos que regem a radiodifusão, telefones e serviços de telecomunicações, televisão por cabo, comunicações por satélite, de telecomunicações sem fio e da Internet.

Problemas atuais em neutralidade da Rede (Current Issues in Network Neutrality)[12][editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Barbara van Schewick recebeu o Prêmio Científico de 2005 da Fundação Alemã de Direito e Ciência da Computação, e o Prêmio em Memória de Dieter Meurer 2006 da Associação Alemã para o uso da Tecnologia da Informação em Direito ("EDV-Gerichtstag") por seu trabalho de doutorado. Em 2010, recebeu o Prêmio de Pesquisa da Alcatel-Lucent Stiftung for Communications Research por seu trabalho pioneiro na área de arquitetura da internet, inovação e regulação. Entre seus outros trabalhos sobre neutralidade da rede estão Towards an Economic Framework for Network Neutrality Regulation (2007), The Network Neutrality Debate – An Overview (2009) e Network Neutrality and Quality of Service: What a Non-Discrimination Rule Should Look Like (2015)[4]

Livro[editar | editar código-fonte]

  • Internet Architecture and innovation, Barbara van Schewick: . The MIT Press, Cambridge, Massachusetts 2010, ISBN 978-0-262-01397-0 (zugl. Berlin, Techn. Univ., Diss., 2005).

Publicações Recentes[editar | editar código-fonte]

Posts em blogs[editar | editar código-fonte]

Multimídia recentes[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Netzwerkbetreiber als Innovationsbremse» 
  2. «Importância da neutralidade da rede e dificuldades regulatórias são analisadas em Conferência do CGI.br»  CGI.br, 14 de outubro de 2015
  3. «MJ promove palestra sobre neutralidade da rede nesta sexta-feira»  Ministério da Justiça, 14 de outubro de 2015
  4. a b «bvs entrevista» (PDF). Consultado em 26 de janeiro de 2016. 
  5. a b c Ammori, Marvin (22 de setembro de 2015). «The Women Who Won Net Neutrality». Slate (em inglês). ISSN 1091-2339 
  6. a b «Barbara van Schewick | Stanford Law School». Stanford Law School. plus.google.com/103014385985434519328/. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  7. «Internet Architecture and Innovation». netarchitecture.org. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  8. «Hans-Jürgen van Schewick» 
  9. «Barbara van Schewick Biography». Consultado em 12 de fevereiro de 2016. 
  10. «Antitrust | Stanford Law School». Stanford Law School. plus.google.com/103014385985434519328/. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  11. «Communications Law: Internet and Telephony | Stanford Law School». Stanford Law School. plus.google.com/103014385985434519328/. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  12. School, Stanford Law. «Current Issues in Network Neutrality | Stanford Law School». Stanford Law School. Consultado em 27 de janeiro de 2016.