Barragem do Alto-Lindoso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Barragem do Alto-Lindoso
A barragem do Alto Lindoso
Localização
Município Ponte da Barca e Arcos de Valdevez, Viana do Castelo
Bacia hidrográfica Rio Lima
Rio Rio Lima
Dados gerais
Utilização Energia
Inauguração 1992
Características da barragem
Tipo Betão, Arco. Abóboda fina
Altura 110 m
Cota do coroamento 339 m
Fundação Granito
Características da albufeira
Capacidade total 390 000 000
Capacidade útil 358 900 000
Pleno armazenamento 338 m

A barragem do Alto-Lindoso situa-se no rio Lima, entre as freguesias de Lindoso e Soajo (concelho de Ponte da Barca e Arcos de Valdevez respectivamente), dentro do Parque Nacional da Peneda-Gerês. A barragem foi projectada em 1983 e concluída em 1992. A sua utilidade é a produção de energia eléctrica, sendo o maior e mais potente produtor hidroeléctrico em Portugal. É uma das mais altas construções de Portugal.

Outras características da barragem[editar | editar código-fonte]

  • Comprimento do coroamento 298 m
  • Fundação de Granito
  • Volume de betão igual a 308,5 x 1000 m³

Características hidrológicas[editar | editar código-fonte]

  • Área da Bacia Hidrográfica 1 511 km²
  • Precipitação média anual 2 520 mm
  • Caudal integral médio anual 1329200 x 1000 m³
  • Caudal de cheia 3 500 m³/s
  • Período de retorno 1 000 anos

Características albufeira[editar | editar código-fonte]

  • Área inundada ao NPA 1 050 x 1 000m2 ge
  • Volume morto 2 100 x 1 000m3
  • Nível de máxima cheia (NMC) 339 m
  • Nível mínimo de exploração (Nme) 280 m

Descarregador de cheias[editar | editar código-fonte]

  • Localização Margem direita
  • Tipo de controlo Controlado
  • Tipo de descarregador Poço inclinado
  • Desenvolvimento da soleira 35,7 m
  • Comportas 6 comportas segmento
  • Caudal máximo descarregamento 2760 m³/s
  • Dissipação de energia Trampolim

Descarga de fundo[editar | editar código-fonte]

  • Tipo : Através da barragem
  • Secção da conduta :2 x 2,7 m
  • Caudal máximo : 400 m³/s
  • Controlo a montante :Sim
  • Controlo a jusante :Sim
  • Dissipação de energia :Jacto oco

Central hidroeléctrica[editar | editar código-fonte]

  • Tipo de central : Subterrânea
  • Nº de grupos instalados : 2
  • Tipo de grupos : Francis
  • Potência total Instalada : 630 MW
  • Energia produzida em ano médio : 948 GWh

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

descarregamento ecológico.
  • As duas turbinas debitam 250 m³/s.
  • Os túneis de alimentação das turbinas possuem 8,3m diâmetro.
  • A produção média anual de 948 GWh supera cerca 248 GWh em relação à totalidade das barragens do rio Zêzere.
  • 1 200 000 m³ de escavações
  • 650 000 m³ de betão
  • 3 000 t de aço
  • Custou 74 milhões de contos (1990) [aproximadamente 369 milhões de euros]
  • O edifício de comandos da subestação de 18/400 kV liga à central por um elevador com 350m de altura, o maior da Europa.
  • O elevador é o mais rápido da Europa e segundo do mundo, superado apenas pelo do CN Tower em Toronto, Canada.
  • A barragem foi construída no antigo encouramento que alimentava a antiga Central de Lindoso (1922), esta foi a primeira grande central hidroélectrica do País, e ainda continua em funcionamento.
  • O ponto mais baixo das turbinas está ao nível do mar.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Barragem do Alto-Lindoso