Batalha de Guam (1944)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Segunda Batalha de Guam
Guerra do Pacífico
USMC-M-Guam-OFC.jpg
Fuzileiros americanos lutando em Guam.
Data 21 de julho - 10 de agosto de 1944
Local Guam, Ilhas Marianas
Desfecho Vitória dos Estados Unidos
Beligerantes
Flag of the United States (1912-1959).svg Estados Unidos Flag of Japan (1870-1999).svg Japão
Comandantes
Flag of the United States (1912-1959).svg Roy Geiger
Flag of the United States (1912-1959).svg Richmond K. Turner
Flag of the United States (1912-1959).svg Holland Smith
Flag of the United States (1912-1959).svg Allen H. Turnage
Flag of the United States (1912-1959).svg Andrew D. Bruce
Flag of Japan (1870-1999).svg Takeshi Takashina
Flag of Japan (1870-1999).svg Hideyoshi Obata
Forças
59 401 fuzileiros 18 657 combatentes
Baixas
3 000 mortos
7 122 feridos
+ 18 000 mortos
485 capturados

A Segunda Batalha de Guam foi um confronto militar travado na ilha de Guam, quando as tropas dos Estados Unidos retomaram a ilha das mãos dos japoneses, no contexto da Guerra do Pacífico. A luta aconteceu entre 21 de julho e 10 de agosto de 1944 e foi extremamente sangrenta. O objetivo dos americanos era capturar todas as Ilhas Marianas na marcha dos Aliados em direção ao Japão. Guam havia sido tomada pelos japoneses em 1941 e sua reconquista pelos americanos foi um grande golpe de moral e um importante desenvolvimento no conflito.[1][2]

Referências

  1. Rottman, G. (2004). Guam 1941 & 1944: Loss and Reconquest. Oxford: Osprey Publishing. ISBN 9781841768113.
  2. Gailey, Harry (1988). The Liberation of Guam 21 July – 10 August. Novato, California, U.S.A.: Presidio Press. ISBN 0-89141-651-X 
Ícone de esboço Este artigo sobre Segunda Guerra Mundial é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.