Batalha do Cabo de Palos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido. Ajude e colabore com a tradução.

Batalha do Cabo de Palos
Parte da Guerra Civil Espanhola
BatallaCaboPalosMapa (Es).png
Mapa do progresso da batalha.
Data 56 de março de 1938
Local Cabo de Palos, na costa de Cartagena.
Desfecho Vitória republicana. O cruzador Baleares é afundado pela Marinha Republicana.
Beligerantes
Segunda República Espanhola República Espanhola Espanha Franquista Espanha Nacionalista
Comandantes
Segunda República Espanhola Luis González Ubieta Espanha Franquista Manuel Vierna Belando
Forças
2 cruzadores ligeiros
5 contratorpedeiros
2 cruzadores pesados
1 cruzador ligeiro
Baixas
Nenhuma 1 cruzador pesado afundado
786 desaparecidos

A Batalha do Cabo de Palos foi a maior batalha naval da Guerra Civil Espanhola. Aconteceu na noite de 5 para 6 de março de 1938, cerca de 70 quilômetros a leste de Cabo Palos, na costa da região de Múrcia. Neste confronto foi afundado o cruzador pesado Baleares, um dos maiores navios da frota nacionalista, e com ele a morte do almirante Manuel Vierna Belando e grande parte da tripulação do navio.[1]

Referências

  1. Hugh Thomas (2001). The Spanish Civil War. [S.l.]: Modern Library. p. 856. ISBN 0-375-75515-2 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre batalhas (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.