Beyblade: Super Tournament Battle

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Beyblade: Super Tournament Battle
Produtora(s) Hudson Soft, Takara
Editora(s) Atari, Takara
Plataforma(s) GameCube, Game Boy Advance
Data(s) de lançamento
Gênero(s) Esporte, ação, RPG
Modos de jogo single player, multiplayer

Beyblade: Super Tournament Battle ou no original: Bakuten Shoot Beyblade 2002: Nettō! Magnetag Battle! (爆転シュート ベイブレード2002 熱闘!マグネタッグバトル!?) é um jogo eletrônico de Beyblade para o Game Cube e o Game Boy Advance[carece de fontes?], desenvolvido pela Takara e publicado pela Atari. O jogo é um RPG baseado no anime Beyblade V-Force. No jogo, o jogador escolhe uma beyblade e um beyblader para lutar em um torneio, comprando partes melhores para sua beyblade conforme avança e ganha pontos.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

Os jogadores podem competir no campeonato com Atari, um personagem pronto amador cujo nome pode ser alterado, ou apenas jogar livremente contra personagens da temporada V-Force do anime.

As batalhas no jogo funcionam todas do mesmo modo. A maioria não é feita de uma única luta, já que o vencedor é aquele que acumula quatro pontos. Em cada luta, é possível ganhar um ponto (se a beyblade do oponente parar de girar ou errar o lançamento), dois pontos (se tirar o adversário da cuia) ou quatro pontos (se a beyblade do oponente for destruída, o quê automatica e obviamente o desclassifica).

Antes de lançar uma beyblade, um Launch Meter é mostrado e rapidamente se enche com uma barra amarela. Quanto mais próxima a barra estiver do seu fim, mais rapidamente a beyblade gira, mas se o jogador deixar a barra encher completamente, a beyblade não é lançada e ele automaticamente perde a luta. É possível que os jogadores já comecem a luta usando um ataque de fera-bit, que tiram mais energia do adversário e aumentam a freqüência de rotação. Para conseguir lançar um ataque de fera-bit, o jogador deve acumular pontos "LP", obtidos cada vez que as beyblades se chocam. Cada vez que o ataque é utilizado, os pontos zeram.

Modos de jogo[editar | editar código-fonte]

No menu principal, o jogador pode escolher o modo de jogo.

Free Battle[editar | editar código-fonte]

Nesse modo, as batalhas umcontra um são livres e úteis para melhorar as habilidades do jogador.

1P Game[editar | editar código-fonte]

Esse modo tem duas opções:

  • 10 batalhas – o jogador deve combater e derrotar dez competidores diferentes.
  • Team Battle – O jogador escolhe quatro personagens e aí combate outro quarteto. Ele controla todos os personagens, ou seja, uma vez que o primeiro beyblader perde, o segunda é disponibilizado ao jogador.

4P Game[editar | editar código-fonte]

Esse modo também tem duas opções:

  • Battle Royal – O jogador escolhe um personagem, e joga contra três outros beybladers aleatórios ao mesmo tempo. O último a sobreviver, vence.
  • Tag – Os personagens são divididos em dois times e lutam dois contra dois.

Além desses modos, há também as opções, onde o jogador salva e carrega jogos, ajusta o jogo, etc; a loja onde ele compra peças; e a galeria de fotos de beyblades reais. Mais fotos vão sendo liberadas conforme o jogador avança.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Os personagens são todos da temporada V-Force, com exceção de Daichi. A personalidade deles não afeta o jogo, e nem todos utilizam as suas feras-bit originais. As feras-bit são indicadas, se diferentes das originais.

  • Atari – é o personagem utilizado no campeonato.
  • Tyson Granger
  • Kai Hiwatari
  • Ray Kon
  • Max Tate
  • Kenny
  • Ozuma
  • Dunga
  • Mariam
  • Kane
  • Goki
  • Daichi (desbloqueável)
  • King (desbloqueável)
  • DJ Jazzman (desbloqueável)

Cuias[editar | editar código-fonte]

O jogo possui três opções de cuias (stadiums).

Cuia Normal

A cuia convencional vem na cor amarela e não oferece obstáculos que afetem a luta.

Magne Stadium

Essa cuia negra possui imãs espalhados por toda a sua superfície. O jogador pode escolher como eles serão dispostos:

  • Aleatório (Random) – espalhados desordenadamente pela cuia;
  • Círculo (Circle) – formam uma roda no centro da cuia. Eles tornam fácil o ato de jogar oponentes para fora, mas dificultam a mobilidade e a fuga de ataques.
  • Perigo (Danger) – Nesse modo, os ímãs ficam colocados em cada uma das três aberturas da cuia. Assim, fica muito difícil sair da cuia, mas uma vez que a beyblade passa pelos ímãs, é praticamente impossível voltar.
Ultimate Stadium

O centro dessa cuia gira, e alterna sua direção e velocidade em momentos aleatórios no decorrer da batalha. Além disso, as aberturas possuem barreiras que são derrubadas com o toque, ou seja, é preciso forçar uma beyblade duas vezes para as saídas para que ela seja jogada para fora.

Recepção e crítica[editar | editar código-fonte]

 
Resenha crítica
Publicação Nota
IGN 2.5 / 10[1]
Pontuação global
Publicação Nota média
Game Rankings 47% (9 resenhas)[2]
Metacritic 33% (6 resenhas)[3]

Referências