Carbonização

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Carbonização é um processo químico de combustão incompleta de determinados sólidos quando submetidos ao calor elevado. O produto desta reação química é chamado de carvão. Pela acção do calor, a carbonização remove hidrogénio e oxigênio do sólido, de modo que a matéria restante é composto principalmente de carbono. Polímeros, como termofixos ou mais sólido compostos orgânicos como madeira ou tecido biológico, são exemplos de materiais que podem ser carbonizados.

Carbonização é o resultado de processos naturais como o fogo, mas também uma reação deliberada e controlada utilizada na fabricação de certos produtos. O mecanismo de carbonização é parte da queima normal de certos combustíveis sólidos tais como madeira. Durante a combustão normal, os compostos voláteis criados por carbonização e pirólise são consumidos para as chamas dentro do fogo, enquanto combustão de carvão pode ser visto como carvões de incandescência vermelhos ou brasas que queimam sem a presença de chamas.

Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.