Cefalometria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cefalometria é a ciência que, metodologicamente, estuda as dimensões das estruturas do crânio e da face. Em odontologia, refere-se a certa combinação de medidas angulares e lineares desenvolvidas para o traçado de radiografias laterais e frontais do complexo craniofacial. É utilizada para avaliar o crescimento e o desenvolvimento craniofaciais de forma longitudinal, bem como auxiliar imensamente na determinação da natureza da resposta ao tratamento ortodôntico.


Cefalometria é o conjunto de técnicas que estuda as dimensões das estruturas anatomicas do crânio e da face Utilizadas, preferentemente na odontologia, para diagnósticos, planejamentos e acompanhamento das modificações das dimensões das estruturas do crânio e da face. As modidficações podem ser atraves de movimentação, adequaçao ortodontica ou ato cirurgico É documentação de alguns tratamentos odontológicos . (Vitorio Bonacin Filho 2009)

Cefalometria Computadorizada

No início da década de 60, o Dr. Ricketts criava nos Estados Unidos a cefalometria computadorizada. Na mesa digitalizadora, o usuário informava a um programa de geometria a localização dos pontos anatômicos sobre uma radiografia.

Em 1994, no Brasil, uma empresa chamada Radio Memory criou um software chamado Radiocef, que revolucionou esse processo introduzindo a cefalometria digital. O novo método, largamente utilizado hoje em todo o mundo, usa a imagem digitalizada da radiografia possibilitando a marcação de pontos na tela do computador utilizando o mouse. Hoje eles possuem ferramentas para diagnósticos 3D.

Com este software você pode marcar pontos anatômicos sobre a imagem digital da radiografia na tela. A partir daí ele confecciona automaticamente as análises cefalométricas completas, incluindo cefalogramas e lista de fatores. As imagens das radiografias são obtidas de um scanner, câmera digital ou diretamente de um aparelho de Raio-X digital. As vantagens de se trabalhar com imagens digitais são inúmeras.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Noções e Conceitos Básicos em Oclusão, Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial; Helson José de Paiva e Colaboradores; Livraria Santos Editora, 2008.
  • www.radiomemory.com.br