Face

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Face (desambiguação).
Face
Face anatomy superficial.jpg
Anatomia superficial da face humana.

Face (do termo latino facie[1]), também conhecida como rosto, é a parte frontal da cabeça, onde se encontram o nariz, olhos, boca, bochechas etc.

Musculatura[editar | editar código-fonte]

Modelo didático da face humana.

A face humana possui diversos músculos, cada um deles com uma ou mais funções. Na orelha, localizam-se os músculos denominados "auricular anterior, auricular Superior e auricular Posterior"[2], que podem ser resumidos como "Músculos auriculares"[3]. Na boca, se encontram os músculos zigomáticos maior e menor, que têm função de ajudar na movimentação da boca[3], os levantadores do lábio superior, que possuem função de movimentar o lábio para cima[2][3], o bucinador, que atua na mastigação e movimenta as bochechas, o Orbicular da boca, que fecha os lábios, entre outros[2]. No nariz, encontram-se os músculos:

  • Nasal[2] — possui a única função de dilatar as narinas[3] e é dividido em duas partes, cuja parte transversal se encontra acima da Maxila e ao lado da fossa incisiva, e a parte Alar se localiza na asa do nariz[2].
  • Prócero[3] — possui a função de agir na parte frontal da face[3] e se encontra na fáscia que envolve a parte inferior do osso nasal e na parte superior da cartilagem nasal lateral[2].
  • Depressor do septo[3] — possui a função de contrair as narinas[3] e se encontra na fossa incisiva da maxila[2].

Além desses músculos, ainda existem os músculos das pálpebras, que são o 'orbicular dos olhos'[3], que é dividido em três partes: a orbital, a lacrimal e a palpebral, e tem a função de fechar as pálpebras[2], o 'corrugador do supercílio', que tem a função de tracionar a sobrancelha[2] e o 'Levantador da pálpebra superior', que tem a função de abrir os olhos[3].

Expressão de sentimentos[editar | editar código-fonte]

Representação da alegria

A face pode representar sentimentos como quando seus músculos se movimentam para determinada direção ou se contraem[4]. Os músculos do terço que se encontram na parte superior da face, como os corrugadores e os procerus, são os que realizam os movimentos para representar sentimentos considerados negativos[4]. Exemplos de músculos que expressam sentimentos são o 'corrugador do supercílio', que realiza a expressão de sofrimento[2]; o 'depressor do lábio inferior', que realiza a expressão de ironia[2] e o 'depressor do ângulo da boca', que realiza a expressão de tristeza[2]. Pessoas com a doença de Parkinson não conseguem representar sentimentos na face, porque seus músculos são muito rígidos[carece de fontes?].

Evolução[editar | editar código-fonte]

Durante aproximadamente 3,5 milhões de anos, a face humana sofreu várias mudanças, como a alteração gradual do seu ângulo, que quase alcançou uma posição perpendicular[5]. Durante a evolução dos hominídeos, a face era menor que a caixa craniana e vertical[6]. Nos primatas do gênero Australopithecus, a face era de formato côncavo e a arcada supraciliar era pronunciada[6]. A face dos Cro-Magnon é plana[6].

A face de Mona Lisa, uma das mais reconhecidas no mundo

Danos[editar | editar código-fonte]

Nos papagaios, quando ocorre uma fratura no bico, precisa-se reconstituir a anatomia da face inteira, pois fraturas tanto no bico quanto na face são graves e podem acabar comprometendo a mastigação deles[7]. Dois dos sintomas de doenças respiratórias nessas aves é a perda de penas ao redor da face e os seios nasais (que se encontram na face) ficarem inchados[7]. Em 2009, foi relatado um caso de doença granulomatosa crónica na face de um ser humano de 21 anos, causando a presença de pápula eritematosas amareladas e cicatrizes puntiformes atróficas na face[8].

Na Geometria[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Face (geometria)

Na geometria, "face" se refere a uma forma criada com base na ligação de no mínimo 3 arestas. Num cubo[9], por exemplo, cada lado é uma face (incluindo a base).

Referências

  1. Dicionário inFormal: Significado de face (em português)
  2. a b c d e f g h i j k l Aula de Anatomia - Sistema Muscular - Face
  3. a b c d e f g h i j api_user_11797_turma.a.m1.2007 (nickname). «Músculos Da Cabeça e Pescoço». Scribd 
  4. a b Hexsel, Doris (2008). «ARTIGO COMENTADO: Botulinum Toxin and the facial feedback hypothesis: Can looking better make you feel happier?» (PDF) 
  5. «Evolução Humana e Aspectos Sociais» 
  6. a b c «Evolução Humana». Portal São Francisco  Texto " Biologia Ciência Evolução Humana " ignorado (ajuda)
  7. a b Silvino Cubas, Zalmir. «Pets - Aves». Saúde Animal 
  8. RM Oyama Okajima, C. D'Apparecida Santos Machado Filho, M. Pedreira Paixão, MI Mendonça de Barros, M. Chmeliauskas Moya, MM Simões e Silva Enokihara. «Doença crônica granulomatosa da face - relato de caso» (PDF)  line feed character character in |autor= at position 99 (ajuda)
  9. Poliedros no Matemática Essencial
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Face
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Rosto
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Face
Ícone de esboço Este artigo sobre Anatomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.