Eritema

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Eritema
Característica principal, o "olho de touro" da Eritema migrante, causada pela Doença de Lyme.
Classificação e recursos externos
CID-10 L51-L54
CID-9 695
DiseasesDB 4466
MeSH D004890
Star of life caution.svg Aviso médico

Eritema, ou rubor é um sinal clínico, presente em várias patologias, caracterizado por uma coloração avermelhada da pele ocasionada por vasodilatação capilar.

É um sinal típico de

  • exposição ao calor e primeira fase de uma queimadura;
  • é um dos sinais de Celsus (rubor, calor, tumor e dor) em caso de processo inflamatório ou infeccioso;
  • secundário à tomada de determinadas substâncias medicamentosas como os [[bloqueadores dos canais de cálcio];]
  • em casos de alergias embora neste caso seja mais frequente o exantema.

Ao pressionar a superfície afetada com uma lâmina de vidro (manobra denominada vitroscopia), deve desaparecer, reaparecendo ao cessar a pressão, na medida em que é devido a uma dilatação capilar. [1] [2]

Não deve ser confundido com exantema ou rash que não desaparece à vitro-pressão.

Tratamento[editar | editar código-fonte]

O tratamento vai depender da causa que provoca este sinal clínico.

Para os diferentes tipos de afecções que se acompanham de eritema

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Drauzio Verella. Eritema infeccioso. Visitado em 13 de novembro de 2012.
  2. Dermatologia.net. Doenças da Pele (em inglês). Visitado em 13 de novembro de 2012.


Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.