Parapsoríase

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Parapsoríase (do grego para, próximo a) são doenças crônicas da pele caracterizadas por sua similaridade com as lesões avermelhadas (eritematosas) e descamativas da psoríase. A biópsia da pele revela se é psoríase ou parapsoríase. [1].

O diagnóstico correto é importante porque ao contrário da psoríase, alguns tipos de parapsoríase podem evoluir para um linfoma cutâneo de células T.

Tipos[editar | editar código-fonte]

Divide-se a parapsoríase em dois grupos[2]:

  1. Parapsoríase em Gotas: a fase aguda também é chamada síndrome de Mucha-Habermann ou pitiríase liquenoide. É caracterizada por erupção rápida de pequenas lesões acastanhadas com centro contendo crostas (necróticas), um pouco de descamação e cicatrizes.
  2. Parapsoríase em Pequenas Placas: são mais avermelhadas, menores que 5 cm, sem atrofia, localizadas no tronco.
  3. Parapsoríase em Grandes Placas: placas persistentes, levemente avermelhas e escamativas, localizadas no tronco e nádegas. Pode evoluir em alguns anos para linfoma.
  4. Papulose linfomatoide: doença rara (afeta entre 1 e 2 em cada milhão de habitantes) muito similar ao Linfoma anaplásico de grandes células.[3]

Referências

  1. Sabbag, CY. Psoríase, Descobertas Além da Pele, Ed.Yendis, 2010
  2. Azulay e Azulay.Dermatologia.4a.ed.Ed.Guanabara
  3. Macaulay WL (January 1968). "Lymphomatoid papulosis. A continuing self-healing eruption, clinically benign--histologically malignant". Arch Dermatol. 97 (1): 23–30. PMID 5634442. doi:10.1001/archderm.97.1.23.
Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.