Chantecler Atraiçoado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Chantecler Atraiçoado
Portugal Portugal
1910 •  pb •  
Realização Júlio Costa
Produção Empreza Cinematographica Ideal
Roteiro Eduardo Nascimento Soares
Elenco António Cardoso
Isabel Ferreira
Jorge Gentil
Género comédia
Cinematografia Júlio Costa
Estreia Portugal Portugal 27 de junho de 1910
Idioma mudo (intertítulos em português)

Chantecler Atraiçoado (1910) é um filme mudo português de comédia realizado por Júlio Costa. Estreou-se no Salão Ideal, em Lisboa, a 27 de junho de 1910.[1][2]

Produção[editar | editar código-fonte]

Produzido e distribuído pela Empreza Cinematographica Ideal, o filme foi o primeiro a ser gravado nos estúdios do recém-criado atelier de pose do Coleginho, situado nas imediações da Quinta da Cerca do Coleginho, na Mouraria, Lisboa.[3]

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • António Cardoso - Chantecler
  • Isabel Ferreira
  • Jorge Gentil
  • Companhia do Teatro Gymnasio[4]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Ramos, Jorge Leitão (2012). Dicionário do cinema português, 1895-1961. [S.l.]: Caminho 
  2. Pina, Luís de (1977). A aventura do cinema português. [S.l.]: Vega 
  3. Ribeiro, M. Felix (1983). Filmes, figuras e factos da história do cinema português, 1896-1949. [S.l.]: Cinemateca Portuguesa 
  4. Cruz, José de Matos (1998). Cinema português: o dia do século. [S.l.]: Grifo 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.