Cid Silveira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cid Silveira
Nome completo Cid Silveira
Nascimento 20 de janeiro de 1910
São Vicente, São Paulo
Nacionalidade  Brasileira
Ocupação poeta

Cid Silveira (20 de janeiro de 1910, São Vicente, São Paulo) foi um poeta, contador e economista brasileiro.

História[editar | editar código-fonte]

De tradicional família da região de São Vicente, Silveira trabalhou muitos anos numa empresa que negociava com café em Santos. Em 1926, ao lado de Antonio de Freitas Guimarães, tornou-se diretor da Terra Santista, uma revista literária ilustrada.

Em fins da década de 1940, Silveira criou um grupo de estudos literários na cidade de Santos (os "pesquisistas"), dos quais participaram seu irmão, Miroel Silveira, e Cassiano Nunes, Francisco De Marchi, Nei Guimarães, Nair Lacerda, Leonardo Arroyo e Roldão Mendes Rosa.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Poemas da Minha Saudade, 1928
  • Poesias, 1944
  • Café, um drama na economia nacional, análise do mercado exportador, 1962
  • Direito e Estado, 1977

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.