Cidade Velha de Genebra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A Cidade Velha de Genebra (em francês: Vieille Ville) , na Suíça, ocupa uma grande parte da cidade alta com belos edifícios dos séculos XVI, XVII e XVIII.[1] É nela que se encontram a Prefeitura de Genebra - o Hôtel de Ville - a Catedral de Genebra, a Casa Tavel, o Colégio Calvino e a Praça do Bourg-de-Four.[2]

Do jardim junto á prefeitura de Genebra têm-se vista sobre a Praça Nova e do parque da Universidade de Genebra onde fica o Muro dos Reformadores.

Place Neuve com - a começar pela esquerda - o Conservatório de música, o Grand Théâtre , o Museu Rath , edifícios da cidade velha (no alto) e o portão do parque dos Bastiões (extrema direira)

.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Chama-se, em francês: Cité-centre, a parte administrativa de Genebra que se divide em quatro partes princiais [3]

  • a Cité ou vila alta : situada nas colinas que se debruçam sobre a cidade e se encontram à volta da Catedral de São Pedro de Genebra;
  • a vila baixa : os quarteirões das Rues basses onde se encontram as principais artérias comerciantes (Rue de la Confédération, Rue du Marché, Rue de la Croix-d'Or, Rue de Rive, Rue du Rhône, etc.) assim como algumas das mais antigas praças e pracetas da cidade (Molard, Fusterie e Longemalle);
  • os quarteirões de Tranchées e de Saint-Léger : situados onde existiam as antigas fortificações orientais de Genebra;
  • o quarteirão dos bancos : não longe do parc des Bastions.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]