Cognos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cognos
Tipo Privada
Indústria Software aplicativo
Fundação 1969
Fundador(es) Alan Rushforth e Peter Glenister
Encerramento 2009
Sede Ottawa, Ontário, Canadá
Pessoas-chave Rob Ashe
Presidente e CEO
Empregados 3,507 (2007)
Produtos Cognos 8 Business Intelligence

Cognos Express Reporter Cognos Express Advisor Cognos Express Xcelerator Cognos 8 Business Viewpoint Cognos 8 Controller Cognos 8 Planning Cognos 8 Workforce Performance Cognos 8 Go! (US) Cognos Now! (US) Cognos Analytic Applications (US)

Faturamento 878,8 milhões de dólares (2005)
$979.26 milhões de dólares (2007)
Sucessora(s) IBM
Página oficial www.cognos.com

Cognos (TSX: CSN, NASDAQ: COGN) é uma companhia sediada em Ottawa, Ontário Canadá, fundada em 1969, chegando a empregar diretamente quase 3.500 funcionários e contendo mais de 23.000 clientes em 135 países. A princípio com nome de Quasar Systems Limited, e adotando o nome Cognos em 1982.

Em 31 de janeiro de 2008, a companhia foi oficialmente adquirida pela IBM. O nome Cognos continua sendo utilizado na área de inteligência empresarial (business intelligence) e gestão de desempenho (performance management).

Em Janeiro de 2010, como parte de uma reorganização da ferramenta Cognos a empresa SPSS foi adquirida para criar uma divisão de análise empresarial (Business Analytics)

A empresa mantém boas relações com muitas das outras empresas já fortemente implantadas no mercado, e permite a intercalação do seu software, com o software das empresas Oracle, Microsoft, IBM ou SAP.

Aquisição pela IBM[editar | editar código-fonte]

Em 2007, após a SAP adquirir a Business Objects e a Oracle adquirir a Hyperion Solutions,[1] a IBM anunciou a compra da Cognos em novembro por $4.9 bilhões de dolares. A Cognos continuou a operar como uma subsidiária (Cognos, uma empresa IBM) até 01 de janeiro de 2009, quando foi incorporada, alterando o nome do software para Cognos Business Intelligence and Financial Performance Management ou Cognos BI and FPM.

References[editar | editar código-fonte]

  1. Blakely, Rhys. "IBM acquires Cognos for $5bn", The Times, 12 de novembro de 2007.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]