Conde de Sandomil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Os condes de Sandomil pertenciam a uma das mais nobres famílias de Portugal, pois era a mesma dos duques de Aveiro, marqueses de Fronteira, de Gouveia e de Alorna; condes da Torre, de Assumar, conde de Alva e conde de Coculim.

O título seria dado por carta de 12 de Março de 1720 redigida por D. João V a Pedro Mascarenhas.

Os condes de Sandomil tinham por armas: em campo de púrpura três faxas de ouro; timbre, um leão também de púrpura, armado e lampassado de ouro.

Usaram o título
  1. Pedro Mascarenhas;
  2. Fernando Xavier de Miranda Henriques (n.e. 1706), sobrinho do precedente;
  3. Luís José Xavier de Miranda Henriques (n.e. 1726 – † em 1793), filho do precedente.