Contramedida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Contramedidas são sistemas (normalmente para aplicação militar) utilizados para evitar que armas com sensores activos (mísseis ou torpedos) consigam detectar, adquirir ou destruir um alvo.

As contramedidas que alterem a assinatura electromagnética ou acústica de um alvo, ou seja, que alterem o comportamento de detecção e seguimento de uma ameaça em aproximação (ex: míssil guiado) são designadas como medidas softkill. Alguns exemplos são:

  • Chaff
  • Flares
  • Empastelamento (ou jamming)
  • Roncadores acústicos

As contramedidas ativas que atacam a ameaça em aproximação, destruindo-a ou alterando-a de tal forma que a impeçam de cumprir o objetivo, são designadas como medidas hardkill, envolvendo a utilização de sistemas de armas. Alguns exemplos são:

  • CIWS (Close-In Weapon System) — sistemas de defesa próxima,
  • PDMS (Point Defense Missile System) — sistemas de defesa própria anti-míssil;

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.