Costa do Ouro Neerlandesa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
   |- style="font-size: 85%;"
       |Erro::  valor não especificado para "nome_comum"
   


Nederlandse Bezittingen ter Kuste van Guinea
Possessões Holandesas na Costa da Guiné

Colónia Holandesa

1598 – 1872 Blank.png
Flag Brasão
Bandeira Brasão
Localização de
Mapa da Costa do Ouro Holandesa em cerca de 1675.
Continente África
Capital Forte de Nassau (1598-1637)
Forte da Mina (1637-1872)
Governo Colónia
Período histórico Imperialismo
 • 1598 Fundação
 • 1872 Dissolução

Costa do Ouro neerlandesa ou Costa do Ouro holandesa(em neerlandês Nederlandse Goudkust) foi, entre 1598 e 1872, uma colônia dos Países Baixos.

Após três tentativas, Maurício de Nassau conquista em 1637 o forte São Jorge de Elmina aos portugueses. Este forte tornaria-se um dos centros do tráfico de escravos da Companhia Neerlandesa das Índias Orientais nos próximos séculos.

O clima na costa era tão mal que a maioria dos europeus morriam vítimas de malária, febre amarela e outras endemias.

A Companhia Neerlandesa das Índias Orientais conquistou e construiu um grande número de fortes ao longo da Costa do Ouro.

Os neerlandeses vendem os seus entrepostos comerciais na Costa do Ouro, através do Tratado de Sumatra de 6 de Abril de 1872, aos britânicos por 47 mil florins.

St Jago.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]