Davi de Trebizonda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Davi da Trebizonda (Trebizonda, 1408 - Constantinopla, 1 de novembro de 1463)[1] foi o último imperador do Império de Trebizonda que reinou entre 1459 e 1461. Foi antecedido no trono por João IV da Trebizonda. Foi sucedido por Maomé II, o Conquistador, já sendo Trebizonda parte do império otomano. Davi foi executado pelos otomanos em Constantinopla, juntamente com seu sobrinho e três de seus filhos em 1 de novembro de 1463, tornando-se mártir da Igreja Ortodoxa.[1]

Fontes[editar | editar código-fonte]

  • (em inglês) W. Miller, Trebizond: The Last Greek Empire of the Byzantine Era, Chicago, 1926.

Referências

  1. a b «Canonization of New Saints by the Ecumenical Patriarchate». Orthodox Metropolitanate (em inglês). Consultado em 6 de fevereiro de 2016. 
Ícone de esboço Este artigo sobre a Turquia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre a Grécia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.