Diário Oficial do Estado do Piauí

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Diário Oficial do Estado do Piauí
Vista parcial do histórico palacete que sedia o DOE piauiense, na Praça Marechal Deodoro
Governo do Piauí
Periodicidade Diário
Sede Teresina,
 Piauí
Preço R$ 2,00
Fundação 21 de junho de 1910 (109 anos)
Fundador(es) Estado doPiauí
Proprietário Governo do Estado do Piauí
Pertence a Governo Federal (República Federativa do Brasil)
Editora Infoglobo
Idioma (português brasileiro)
Página oficial Página oficial


Encadernado com edições.

O Diário Oficial do Estado do Piauí é a instituição oficial de publicidade dos atos jurídicos do governo do estado do Piauí.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Foi criado em 1910 com o nome de Imprensa Oficial pela Lei Estadual nº. 558, de 21 de junho de 1910 e em 1930 passa a denominar-se Diário Oficial. Em 1968, a lei estadual nº.2.871, editada em 20 de maio cria a Companhia Editora do Piauí (COMEPI) que desde então é a gerenciadora do Diário Oficial do Estado do Piauí.[2][3]

Seções[editar | editar código-fonte]

  • Notícias (inicias)
  • Leis e decretos
  • Portarias e resoluções
  • Licitações e contratos
  • Outros
  • Notícias (finais)
  • Campanhas[4]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Lei Estadual nº. 558, de 21 de junho de 1910
  2. BASTOS, Cláudio de Albuquerque. Dicionário Histórico e Geográfico do Estado do Piauí. Teresina; edição da prefeitura municipal de Teresina/Fundação Cultural Monsenhor Chaves. 1994
  3. CHAVES, Paulo Alberto Diniz. O Piauí nos 200 anos da indústria gráfica brasileira. Teresina: edição do autor, 2007.
  4. Conforme se vê no Ficheiro:DOE Piauí.JPG e na página oficial do DOE Piauí.


Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.