Dinastia Lodi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



Dinastia Lodi
Blank.png
1451 – 1526 Flag of the Mughal Empire (triangular).svg [[Império Mogol|]]
Localização de Dinastia Lodi
Continente Ásia
Região Subcontinente indiano
Capital Deli
Língua oficial Persa[1]
Religião Islamismo sunita
Governo Não especificado
História
 • 1451 Fundação
 • 1526 Primeira batalha de Panipate

A dinastia Lodi foi uma dinastia afegã que, entre 1451 e 1526 governou partes da Índia do Norte, do Punjab e da atual província de Khyber Pakhtunkhwa. Foi fundada por Bahlul Khan Lodi, sucedendo à dinastia Sayyid. A dinastia entrou em declínio durante o reinado de Ibrahim Lodi, o qual enfrentou diversas derrotas militares por parte do exército de Rana Sanga,[2] até terminar durante a derrota perante Babur, o qual viria a estabelecer o Império Mogol no norte da Índia.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Arabic and Persian Epigraphical Studies - Archaeological Survey of India». Asi.nic.in. Consultado em 4 de dezembro de 2014. 
  2. Stephen Peter Rosen (1996). Societies and Military Power: India and Its Armies. [S.l.]: Cornell University Press. p. 149