Edestus heinrichi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaEdestus
Ocorrência: 306–299 Ma

Pennsylvaniano

Fóssil de Edestus heinrichi

Fóssil de Edestus heinrichi
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Chondrichthyes
Subclasse:  ?Holocephali
Ordem: Eugeneodontida
Família: Edestidae
Género: Edestus
Espécie: Edestus heinrichi

Edestus heinrichi, também conhecido como tubarão-do-carvão, é um tubarão que viveu no Pennsylvaniano. Seus fósseis foram encontrados em uma mina subterrânea de carvão mineral, em Sparta, Illinois.

Assim como seus parentes, seus dentes não caíam quando envelheciam - o que ocorre com os tubarões modernos. Entretanto, novos dentes nasciam assim mesmo, empurrando os dentes antigos para fora da boca, que ficaria como que entortada. Por outro lado, seus dentes, individualmente, são bastante únicos em seu gênero: são triangulares e possuem uma coroa serrilhada. A raiz dos dentes é longa.[1][2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Peter L. Forey; Lionel Cavin, Alison Longbottom, Martha Richter (2008). Fishes and the break-up of Pangaea. [S.l.]: The Geological Society. pp. 33–––34. ISBN 9781862392489 
  2. «Other Fossil Shark Teeth». 1º de agosto de 2009. Consultado em 5 de fevereiro de 2010 
Ícone de esboço Este artigo sobre Paleontologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre peixes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.