Edestus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaEdestus
Ocorrência: 306–299 Ma

Carbonífero tardio

Representação especulativa de três edestidos: E. mirus, E. giganteus e E. heinrichi
Representação especulativa de três edestidos: E. mirus, E. giganteus e E. heinrichi
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Chondrichthyes
Subclasse: ?Holocephali
Ordem: Eugeneodontida
Família: Edestidae
Gênero: Edestus
Espécies

Edestus é um gênero de tubarões que viveu nos oceanos durante o Carbonífero tardio.[1] Todas as espécies são conhecidas por seus dentes.[1]

Semelhantemente a seus parentes, como o Helicoprion, e diferentemente dos tubarões modernos, os dentes das espécies de Edestus cresciam em apêndices curvos, e os dentes não caíam quando envelheciam.[1] No caso dos Edestus, havia apenas uma fileira de dentes na mandíbula e no maxilar, de modo que sua boca lembraria uma monstruosa tesoura serrilhada.[1]

Porque os dentes eram afiados e serrilhados, presume-se que todas as espécies eram carnívoras.[1] A maneira exata como eles capturariam e comeriam suas presas, assim como sua aparência, permanece pura especulação até um fóssil mais completo (especialmente de um crânio) ser encontrado.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Nota[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e «Helicoprion: an Intriguing Puzzle». www.elasmo-research.org. Biology of Sharks and Rays. Consultado em 9 de dezembro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Paleontologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre peixes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.