Eleição presidencial no Zimbábue em 2008

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

As eleições presidenciais no Zimbábue em 2008 foram realizadas em 29 de março [1]. Os três candidatos principais eram Robert Mugabe da ZANU - parte dianteira patriótica, Morgan Tsvangirai do Movimento para a Mudança Democrática (CDM), e Simba Makoni, um independente.[2]. Em decorrência da má situação econômica do Zimbábue, a eleição foi esperada para fornecer ao presidente Mugabe seu desafio eleitoral mais difícil. Os oponentes de Mugabe criticaram a manipulação do processo eleitoral, e o governo foi acusado de planejar equipar a eleição. A Human Rights Watch afirma que a eleição foi uma "profunda fraude".[3]

Nenhum resultado oficial foi anunciado mesmo depois de um mês após a votação.[4]

Reunião de emergência[editar | editar código-fonte]

No dia 12 de abril, a SADC convocou uma reunião de emergência para debater o problema do Zimbábue. A conclusão a que a comunidade chegou é que é preciso atuar e encontrar uma saída para os problemas atuais daquele país. "Pensamos que uma das saídas é a criação de um instrumento participativo que una as diferentes sensibilidades e que possa gerir o período de transição até a realização das próximas eleições." Falou ainda da necessidade de se respeitar as leis para garantir eleições democráticas na espaço da SADC. Às mesemas conclusões chegou a União Africana.[5]

Segundo turno[editar | editar código-fonte]

O segundo turno foi previsto para 27 de junho, permanecendo o nome de Tsvangirai na cédula eleitoral. A votação ocorreu num curso de 12 horas, terminando as 19h00min, horário local. Mugabe e sua esposa votaram no distrito de Highfield, perto de Harare, e disse que estava otimista;. Tsvangirai delatou seu voto, descrevendo-o como o " um exercício de não intimidação".

Resultados[editar | editar código-fonte]

A tabela a seguir mostra o resultado de 1º (29 de março) e 2º (27 de junho) turnos.

Partido Candidato 1º turno 2º turno
Votss % Votos %
Zimbabwe African National Union Robert Mugabe 1.079.730 43,2 2.150.269 85,5
Movement for Democratic Change Morgan Tsvangirai 1.195.562 47,9 233.000 9,3
Independente Simba Makoni 207.470 8,3  
Independente Langton Towungana 14.503 0,6
Nulos 131.481 5,2
Total 2.497.265 100,0 2.514.750 100,0
Fontes (1º turno) BBC News Fontes (2º turno) CNN Newswire

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. "Zimbabwe's opposition party claims early election lead", Associated Press (International Herald Tribune), 30 de março de 2008.
  2. "Zimbabwe presidential candidates confirmed", AFP, February 15, 2008.
  3. "Mugabe accused of election-rigging plan", CNN, March 23, 2008.
  4. MacDonald Dzirutwe, "Zim heads for run-off", Reuters (IOL), May 2, 2008.
  5. União Africana apoia proposta da SADC sobre Zimbabwe
Ícone de esboço Este artigo sobre o Zimbabwe é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.