Escudo (geologia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde abril de 2012). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Províncias geológicas da Terra (USGS)

Escudos, ou cratões, em geologia, são grandes áreas de rochas ígneas e metamórficas de alta temperatura do Pré-Cambriano que se encontram expostas, formando zonas tectonicamente estáveis. Em todos os escudos a idade das rochas é superior a 570 milhões de anos chegando mesmo aos 3 bilhões e meio de anos(3,5 mil milhões de anos). São das primeiras formações rochosas terrestres.

Escudos antigos ou maciços cristalinos são blocos imensos de rochas antigas. Estes escudos são constituídos por rochas cristalinas (magmático-plutônicas), formadas em eras pré-cambrianas, ou por rochas metamórficas (material sedimentar) do proterozoica, são resistentes, estáveis, porém bastante desgastadas, e com muitas intrusões magmáticas.

Alguns exemplos:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.