Feira de Níjni Novgorod

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Feira de Níjni Novgorod
em russo: Нижегородская ярмарка
Palácio da Feira Principal
Estilo dominante neorrusso, império
Arquiteto Auguste de Montferrand
Engenheiro Agustín de Betancourt
Início da construção 1817
Fim da construção 1824
Inauguração 1824
Proprietário inicial Império Russo
Função inicial Centro comercial
Proprietário atual Rússia
Função atual Museu
Website http://www.yarmarka.ru/
Geografia
País  Rússia
Cidade Níjni Novgorod
Oblast Níjni Novgorod
Coordenadas 56° 19' 42" N 43° 57' 39" E

Feira de Níjni Novgorod (em russo: Нижегородская ярмарка) é uma feira, um complexo de exposição, na Rússia, na cidade de Níjni Novgorod. A feira realiza dezenas de mostras especializadas, congressos e conferências pelo ano cada.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A feira foi fundada em 1524 pelo grão-príncipe Basílio III na beira do rio Volga, perto de Vassilsursk (vila no oblast de Níjni Novgorod, perto da fronteira com Mari El). Em 1641 a feira desloca-se água acima de Volga, ao Mosteiro de Macário do Lago Amarelo, e tornou-se nomeada Feira de Makariev. Em 1816 a feira foi aniquilada pelo grande incêndio.[2][3]

Em 1817 a feira foi deslocada mais água acima do grande rio, a Níjni Novgorod (depois, por muito anos, guardando nome “Makariev”), à foz do rio Oka (na beira baixa de Oka; agora este lugar é localizado no perímetro de Níjni Novgorod). Durante 4 anos a cidade de feira com edifícios de pedra foi construida segundo os projectos de Avgustin Betankur, Adreian Zakharov, Oguiust Monferran.[2][3][4]

A feira de Níjni Novgorod no seu lugar moderno no século XIX tornou-se uma dos maiores grandes feiras internacionais na Europa (pela esta causa então Níjni Novgorod tinha alcunha russa "Algibeira da Rússia"). O estabelecimento comercial não funcionava durante a Guerra Civil e em 1930-1990.[5][6]

Algumas etapas[editar | editar código-fonte]

Catedral da Transfiguração
  • 1822 – a Catedral da Transfiguração foi inaugurada
  • década de 1820-década de 1830 – sistema de canais funcionava
  • 1870 – água encanada geral começou funcionar
  • 1878 – teatro para 1600 espectadores foi inaugurado
  • 1885 – rede eléctrica geral começou funcionar
  • 1886 - Catedral de Alexandre Nevsky foi inaugurada

[7][8][9]

Referências

  1. «Sobre a feira». O sítio da União Russa de mostras e feiras. Consultado em 6 de fevereiro de 2011  (em inglês)
  2. a b «História da feira». O sítio do poder executivo de Níjni Novgorod. Consultado em 6 de fevereiro de 2011. Arquivado do original em 16 de setembro de 2011 
  3. a b «História da feira». O sítio da feira. Consultado em 6 de fevereiro de 2011. Arquivado do original em 2 de outubro de 2009 
  4. «História da feira». O sítio do poder executivo de Níjni Novgorod. Consultado em 6 de fevereiro de 2011 
  5. «História da feira». O sítio do poder executivo de Níjni Novgorod. Consultado em 6 de fevereiro de 2011 
  6. «Sobre a cidade de Níjni Novgorod». O sítio turístico do Oblast de Níjni Novgorod. Consultado em 6 de fevereiro de 2011. Arquivado do original em 3 de março de 2016  (em inglês)
  7. «História da feira». O sítio do poder executivo de Níjni Novgorod. Consultado em 6 de fevereiro de 2011 
  8. «História da feira». O sítio do poder executivo de Níjni Novgorod. Consultado em 6 de fevereiro de 2011 
  9. «Sobre a Catedral Velha da Feira». O sítio dedicado os lugares de interesse da Rússia. Consultado em 6 de fevereiro de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Feira de Níjni Novgorod