Filodulcina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Filodulcina
phyllodulcin
Alerta sobre risco à saúde
Phyllodulcin.svg
Nome IUPAC (3R)-8-hidroxi-3-(3-hidroxi-4-metoxifenil)-3,4-dihidroisocromen-1-ona
Outros nomes Praeruptorin
Identificadores
Número CAS 21499-23-0
PubChem 146694
SMILES
Propriedades
Fórmula molecular C16H14O5
Massa molar 286.27 g/mol
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Filodulcina, conhecida também pela designação phyllodulcin, é uma dihidroisocumarina que ocorre naturalmente em algumas espécies do género Hydrangea, nomeadamente em Hydrangea macrophylla[1] e Hydrangea serrata.[2] O composto apresenta forte actividade edulcorante, sendo 400-800 vezes mais adoçante que o açucar de mesa.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Effects of phyllodulcin, hydrangenol, and their 8-O-glucosides, and Thunberginols A and F from Hydrangea macrophylla SERINGE var. thunbergii MAKINO on passive cutaneous anaphylaxis reaction in rats. Matsuda H., Shimoda H., Yamahara J. and Yoshikawa M., Biological & pharmaceutical bulletin, 1999, vol. 22, no8, pp. 870-872, INIST:1959604
  2. Accumulation of phyllodulcin in sweet-leaf plants of Hydrangea serrata and its neutrality in the defence against a specialist leafmining herbivore. Mami Ujihara, Masateru Shinozaki and Makoto Kato, Researches on population ecology, Volume 37, Number 2, pp. 249-257, doi:10.1007/BF02515827
  3. Chemical and Functional Properties of Food Saccharides. P. Tomasik, CRC Press, Boca Raton, 2003 , isbn : 978-0-8493-1486-5

Predefinição:Isocoumarinas