Grexit

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Grexit é um neologismo que se refere à saída da Grécia da Zona Euro.[1]

Definição[editar | editar código-fonte]

Trata-se de uma palavra-valise composta pelos termos ingleses "Greece" (Grécia) e "exit" (saída). Um termo similar,Spexit, foi cunhado para referir-se à eventual exclusão da Espanha da eurozona.[2] [3] O termo foi cunhado em 6 de fevereiro de 2012, pelos analistas do Citigroup, Willem Buiter[4] e H. Rahbari Ebrahim.

Referências

  1. 'Grexit' ainda não será agora. Por Samuel Pessoa. Estadão, 11 de junho 2012
  2. Grexit? Spexit? Let’s Call the Whole Thing Off. Por Edward Hugh. 31 de maio de 2012.
  3. Brexit, Grexit, with the possibility of Spexit. Whose bright idea was this? Por Peter Bradshaw. The Guardian, 2 de junho de 2015.
  4. The Guradian: Greek impasse raise fears of 'Grexit' Pagina recuperada em 17 de junho 2012 (en)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]