JadaL

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

JadaL (em árabe: جدل), que significa controvérsia, é uma banda de música árabe jordana e também um projecto musical de Amã, Jordânia, formado em 2003[1] pelo compositor, produtor musical, e violonista Mahmoud Radaideh, que tem tido vários membros ao longo dos anos.[2][3][4]

História[editar | editar código-fonte]

JadaL tem, até agora, lançado um total de três álbuns; o último lançamento foi no dia 10 de julho de 2016 e chamou-se Malyoun. Continha 12 temas, compostos, escritos e produzidos por Mahmoud Radaideh e interpretados por: Bader Helalat (Teclados e voz), Hakam Abu Soud (Bateria e voz), Mahmoud Radaideh (voz, guitarras e sintetizadores), e Yazan Risheq (baixo).

Quando JadaL lançou o seu primeiro single "El Tobah" (Arrependimento), uma versão da lendária canção de amor de Abdul Halim Hafez, seu estilo musical, cunhado como rock árabe, foi descrito como "algo diferente" devido à sua mistura única de rock e letras em árabe, ou mais especificamente, jordano.[5][6]

JadaL lançou o seu primeiro single original, "Salma", que Mahmoud Radaideh escreveu e compôs para sua sobrinha, e que rapidamente se converteu num sucesso de rádio e ganhou muitos seguidores, consolidando JadaL "como uma das principais bandas de rock árabe no país e na região".[5][7] Pouco depois, o álbum de estreia de JadaL 'Arab Rocks' foi lançado em 2009. Os membros então consistiam em Mahmoud Radaideh (guitarras, composição), Kamel Almani (baixo, composição), Rami Delshad (voz) e Laith Nimri (bateria). O álbum foi bem recebido, manteve-se fiel aos seus princípios e ao som de rock 'polido'.[5] Produzido por Mahmoud Radaideh e Hanna Gargour, o álbum também contava com a presença do artista palestiniano de hip-hop DAM na canção "Ya Bani Adam" (Eu Ser Humano).[8]

Em 2011 lançou-se um novo single, "Bye Bye 3azizi" (árabe: باي باي عزيزي) (Adeus querida), escrito e composto por Mahmoud Radaideh e com a parte vocal principal interpretada por Ahmad Zoubi.

O segundo álbum "El Makina" (árabe: الماكينه) lançou-se em dezembro de 2012, composto por Mahmoud Radaideh, escrito e produzido por: vozes de Ahmad Zoubi e Mahmoud Radaideh, tambores acústicos de Ammar Urabi, baixo de Amjad Shahrour e Mahmoud Radaideh, teclados e sintetizadores de Bader Helalat, Mahmoud Radaideh e Hani Mezian, guitarras de Mahmoud Radaideh, e foi misturado por David Scott e gravado nos estudos de obras de Sweetspot Sound em Amã.[9]

Em concertos e festivais locais e internacionais, JadaL com frequência actua com artistas locais e regionais, como Amr Diab, Canteca de Macao, Rim Banna, DAM, Omar Al-Abdallat, Mashrou' Leila, entre outros.[10]

Tours[editar | editar código-fonte]

  • Jara Music Festival, 2009
  • Jordan Festival, 2009
  • Jordan Festival, 2010
  • Turkish Vision Festival, 2010
  • Bethlehem Festival, 2013/2014
  • Dum Tak Festival, 2013

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Bio — JadaL Arabic Rock band فرقةالروك العربي جدل». JadaL Arabic Rock band فرقةالروك العربي جدل (em inglês). Consultado em 21 de dezembro de 2018 
  2. «Jadal: Reintroducing Jordanian Music». Egyptian Streets (em Inglés) 
  3. TME. «Jadal In-depth Biography». Jadal In-depth Biography (em inglês). Consultado em 21 de dezembro de 2018 
  4. «جدل». Discogs (em inglês). Consultado em 21 de dezembro de 2018 
  5. a b c «For rock's sake» (em Inglés). Consultado em 21 de dezembro de 2018. Arquivado do original em 23 de abril de 2012 
  6. «Alternative bands challenge Arabic music norms, voice everyday concerns» (em inglés) 
  7. «JadaL» (em Inglés). Consultado em 21 de dezembro de 2018. Arquivado do original em 21 de abril de 2012 
  8. «Arabic Rocks - Jadal» (em Inglés). Consultado em 21 de dezembro de 2018. Arquivado do original em 27 de outubro de 2013 
  9. «الردايدة يطلق «باي باي عزيزي» باللهجة العمّانية» (em árabe). Consultado em 21 de dezembro de 2018. Arquivado do original em 31 de dezembro de 2011 
  10. «JadaL band» (em Inglés)